Ajudôu VS Coronavírus, uma luta contra a fome

Crianças de Minas Gerais precisam de cesta básicas por conta do coronavírus
Hoje, por conta da pandemia e suspensão das aulas, parte dos alunos do Ajudôu não conseguem comer o mínimo necessário para uma vida saudável e digna.

Ajudôu VS Coronavírus, uma luta contra a fome

Ajudôu, ONG de Timóteo, lança campanha online de arrecadação de cestas básicas para ajudar na alimentação de mais de 2000 beneficiados

A crise do coronavírus pode fazer a fome quase dobrar no mundo em 2020, aponta um estudo da Organização das Nações Unidas (ONU). Diante deste cenário catastrófico, o Ajudôu está reunindo doações para amenizar a situação de 2200 famílias atendidas,atualmente, pela entidade em 12 municípios: Timóteo, Brumadinho, Dionísio, São José do Goiabal, Barão de Cocais, Virginópolis, Raul Soares, Nova Era, Peçanha, Pingo D’Água, Bela Vista de Minas e Ipaba. 

100% dos beneficiários do Ajudôu são de colégios públicos, por isso a instituição entende a dimensão que a falta da merenda escolar faz na vida dos alunos. Para famílias de baixa renda, o arroz, o feijão, os legumes, as verduras e carnes distribuídos no recreio são essenciais para o crescimento e o desenvolvimento de suas crianças. Hoje, por conta da pandemia, essa refeição já não existe mais para eles. O Covid-19 têm trazido, com muita força, a fome para as famílias de baixa renda atendidas pela instituição.  

A campanha contra a fome

Por esse motivo, foi lançada a campanha Ajudôu VS Coronavírus para arrecadar verba para a compra de cestas básicas, que serão distribuídas para as famílias mais necessitadas da ONG. “Nossas aulas estão paradas desde a quarentena, mas o Ajudôu não. A gente não abandona nossos alunos. Temos a obrigação de ajudá-los no atual cenário. Nosso objetivo inicial é arrecadar 5 Mil Reais para comprarmos pelo menos 100 cestas básicas para as famílias dos beneficiários”, destaca Júlio César Lana Jaques, fundador e gestor executivo do Ajudôu. 

A campanha tem a parceria do HubSocial, uma incubadora de projetos sociais de Belo Horizonte criada para capacitar, investir e apoiar iniciativas de Impacto Social. Além de ceder a plataforma on-line de captação cidadedobem.com, o HubSocial já ajudou o Vale do Aço e região nas enchentes de janeiro e fevereiro, deste ano,  com a doação de 174 colchões para as famílias impactadas pelas águas.  

Estão disponíveis duas formas de Doação: 

1 – Faça a doação em cestas básicas diretamente para o Ajudôu. Entre em contato pelas redes sociais https://www.instagram.com/associacao.ajudou ou www.facebook.com/ajudou

2 – Vaquinha on-line em parceria com o HubSocial. Acesse o link  para ir para a página da campanha Fundo COVID-19. A doação é fácil e rápida. É só clicar no link https://is.gd/ajudouvscoronafundocovid19

Sobre o Ajudôu

O Ajudôu é uma Organização não Governamental, reconhecida pela utilidade pública nas esferas municipais e estadual. Foi fundado em 1995, em Timóteo-MG, e já atendeu mais de 23.000 crianças e adolescentes com aulas de judô e outros esportes gratuitamente. Atualmente, o Ajudôu está presente em mais de 12 cidades mineiras, atendendo em mais de 20 escolas.

Related Posts

Deixe um comentário